Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Com 112 vagas foi entregue o terceiro Centro de Triagem em Porto Alegre

Publicação:

Este é o terceiro Centro de Triagem (CT), construído em Porto Alegre, totalizando 280 vagas.
Este é o terceiro Centro de Triagem (CT), construído em Porto Alegre, totalizando 280 vagas. - Foto: Rodrigo Ziebell/SSP
Por Cassiane Osório e edição de Léa Aragon/Secom

Mais um Centro de Triagem (CT) para presos que aguardam vagas no sistema prisional gaúcho foi entregue nesta terça-feira (5) pelo governador José Ivo Sartori e o secretário da Segurança Pública, Cezar Schirmer. Com capacidade para 112 presos, o CT fica localizado em área anexa à Cadeia Pública de Porto Alegre (CPPA), na Vila João Pessoa. 

O governo do Estado autorizou o início das obras no dia 10 de novembro e hoje, 25 dias depois, as obras estão concluídas. A estrutura tem área 486,86 metros quadrados, a partir de monoblocos de concreto, mesmo método de construção adotado no Complexo Prisional de Canoas. As 112 vagas se dividem em 14 celas com capacidade para oito detentos cada. O valor total do investimento foi de R$ 3,3 milhões, oriundos do Tesouro do Estado. A empresa que executou a obra foi a Verdi Sistemas Construtivos. 

Governo do Estado autorizou o início das obras no dia 10 de novembro e hoje, 25 dias depois, as obras estão concluídas.
Governo do Estado autorizou o início das obras no dia 10 de novembro e hoje, 25 dias depois, as obras estão concluídas. - Foto: Rodrigo Ziebell/SSP

Este é o terceiro Centro de Triagem (CT), construído em Porto Alegre, totalizando 280 vagas. Em março foi entregue o primeiro CT, localizado na Avenida Salvador França, com 72 vagas. Em agosto, o segundo foi inaugurado, também em área anexa à Cadeia Pública com capacidade para 112 pessoas. 

O secretário Schirmer afirmou que a entrega deste novo Centro de Triagem "significa que o governo está agindo, tentando resolver ou ao menos amenizar os problemas do sistema prisional". Ele também falou que esse é um problema de décadas, e não só do Rio Grande do Sul, mas garantiu que o governo vem adotando medidas para melhorar gradativamente conforme as possibilidades existentes. "O espírito que deve nortear a busca de soluções para o sistema prisional é o da cooperação e da construção coletiva", admitiu Shirmer. 

Nova Cadeia Pública

Durante a visita ao Centro de Triagem, o secretário Schirmer mostrou o local onde será construída a Nova Cadeia Pública que terá 416 vagas. O prédio será erguido por meio de permuta do imóvel da Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos (FDRH) com o Grupo Zaffari. Segundo Shirmer, o contrato de permuta entre o governo do Estado e a empresa deve ser assinado, nesta quarta-feira (6), em evento no Palácio Piratini. "Amanhã mesmo já podem começar as obras que terá um cronograma de até 10 meses”, afirmou o secretário. 

Secretaria da Segurança Pública